Política de privacidade

1. OBJETIVO

Nosso propósito é fornecer produtos e serviços de inovação tecnológica, visando a satisfação de nossos clientes, qualificando nossos colaboradores, buscando a melhoria contínua dos nossos processos e produtos, protegendo a segurança e privacidade das informações vitais para a empresa.

Com intuito de garantir a segurança dos serviços que prestamos aos nossos clientes e desenvolver cada vez mais os nossos produtos, nós da DATAPROM assumimos o compromisso de adotar os mais altos padrões de integridade e transparência.

Para isso, estamos adotando todas as medidas necessárias para atender à Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais – LGPD (Lei nº 13.709/2018).

Nesse sentido, a presente Política de Privacidade Externa visa apresentar aos titulares de dados como são realizados os tratamentos dos dados coletados e a finalidade destes, desde o armazenamento, coleta, utilização e todos os possíveis compartilhamentos.

 

2. TERMOS E DEFINIÇÕES

Para melhor entendimento das disposições desta política, é importante esclarecer algumas das definições previstas na Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais – LGPD, sendo estas:

a. Dado pessoal: informação relacionada à pessoa natural identificada ou identificável, ou seja, quaisquer dados que permitam identificar, ainda que indiretamente, a pessoa física a qual eles pertencem;
b. Dado pessoal sensível: dado pessoal sobre origem racial ou étnica, convicção religiosa, opinião política, filiação a sindicato ou a organização de caráter religioso, filosófico ou político, dado referente à saúde ou à vida sexual, dado genético ou biométrico, quando vinculado a uma pessoa natural;
c. Titular: pessoa natural a quem se referem os dados pessoais que são objeto de tratamento;
d. Tratamento: toda operação realizada com dados pessoais, como as que se referem à coleta, produção, recepção, classificação, utilização, acesso, reprodução, transmissão, distribuição, processamento, arquivamento, armazenamento, eliminação, avaliação ou controle da informação, modificação, comunicação, transferência, difusão ou extração;
e. Controlador: pessoa natural ou jurídica, de direito público ou privado, a quem competem as decisões referentes ao tratamento de dados pessoais;
f. Operador: pessoa natural ou jurídica, de direito público ou privado, que realiza o tratamento de dados pessoais em nome do controlador;
g. Encarregado (DPO): pessoa indicada pela DATAPROM responsável pela comunicação, que poderá ser contatada através do e-mail: [email protected], para atender as demandas internas e de nossos clientes, referente ao tratamento de dados pessoais, bem como as que possam vir da Autoridade Nacional de Proteção de Dados (“ANPD”).

 

3. FINALIDADES DOS TRATAMENTOS DE DADOS PESSOAIS REALIZADOS POR NÓS

A LGPD define que o tratamento de dados pessoais deve acontecer a partir de finalidades específicas, explícitas, legítimas e declaradas. Sendo assim, a DATAPROM demonstra algumas das finalidades que justificam os tratamentos realizados por nós:

a. Prestação dos serviços contratados;
b. Exercício de direitos e defesas em processos judiciais, administrativos ou arbitrais;
c. Cumprimento de obrigações legais;
d. Suporte e acesso à base de dados dos clientes;
e. Gestão de documentos pessoais;
f. Proteger informações contidas em processos e sistemas.

 

4. FORMA DE COLETA DE DADOS PESSOAIS:

Visando preservar a ética e a transparência, compromissos assumidos pela DATAPROM, apresentamos quais as formas de coleta dos dados pessoais tratados por nós:

• Formulários de cadastro no site da DATAPROM para receber newsletter com informações sobre a empresa;
• Contratação de novos colaboradores.

 

5. QUEM SÃO OS TITULARES DOS DADOS QUE TRATAMOS NA DATAPROM?

Nós garantimos que o tratamento dos dados pessoais ocorra única e exclusivamente para atingir suas finalidades e para a adequada prestação dos serviços prestados pela DATAPROM. Deste modo, os dados pessoais tratados são de titularidade dos:

• Clientes;
• Colaboradores; e
• Fornecedores e Terceiros.

 

6. DIREITOS DOS TITULARES DE DADOS PESSOAIS.

A garantia dos direitos dos titulares de dados pessoais é tida como uma prioridade por nós. Neste sentido, a DATAPROM norteia sua atuação considerando o rol de direitos previstos no art. 18 da Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais, os quais garantem aos titulares:

a. Confirmar com a DATAPROM sobre a existência de tratamento de dados pessoais e obter, a qualquer tempo, acesso a esses dados;
b. Requerer junto à DATAPROM a correção ou atualização de dados que estejam incompletos, inexatos ou desatualizados;
c. Requerer a exclusão de dados dos sistemas da DATAPROM, dentro do prazo legal mínimo relacionado ao armazenamento dos dados;
d. Solicitar a rastreabilidade de seus dados através do requerimento das informações de entidades públicas e privadas com as quais a DATAPROM tenha realizado o uso compartilhado de dados;
e. Solicitar a portabilidade de dados a outro prestador de serviço;
f. Solicitar o bloqueio ou eliminação dos dados pessoais, caso haja a coleta desnecessária, excessiva, ou pelo tratamento de forma inadequada;
g. Revogar o consentimento, posteriormente a concessão, bem como requerer a eliminação dos dados obtidos sob seu amparo.
h. Em caso de dúvidas por parte dos titulares dos dados, recomendamos o contato direto com o Encarregado de Dados (DPO) da DATAPROM através do e-mail: [email protected]

 

7. ARMAZENAMENTO DOS DADOS PESSOAIS.

É de suma importância que o armazenamento dos dados pessoais esteja limitado ao período correspondente à finalidade específica do tratamento e que ocorra em ambientes seguros e confiáveis, através de sistemas ou arquivos físicos, com restrição de acesso às pessoas autorizadas.
Salienta-se que os dados tratados permanecerão armazenados nos nossos sistemas durante a relação contratual, conforme a duração da finalidade indicada ou em decorrência do prazo estabelecido por obrigação legal e/ou regulatória.

Diante disso, nossa prioridade é garantir que os princípios de segurança da informação sejam observados e cumpridos, além de implantar a cultura de privacidade internamente, com o objetivo de introduzir controles de segurança sólidos e padronizados, que poderão, inclusive, ser exigidos dos nossos parceiros.

 

8. USO DE COOKIES NO SITE DA DATAPROM.

A DATAPROM se utiliza de Cookies para o funcionamento pleno de seu site os quais consistem em pequenos arquivos inseridos no navegador (Chrome, Mozilla, Internet Explorer etc.) ou dispositivo dos usuários que permitem a ativação de funcionalidades por meio da coleta de informações básicas sobre eles ou seus dispositivos.

Os Cookies têm como principal objetivo o aprimoramento da experiência de uso, e informamos que em nossa plataforma web (https://www.datapromcom/) são utilizados os seguintes Cookies:

Tipos de Cookies / Para que Serve?

Necessários: Oferece a permissibilidade ao usuário para navegar e utilizar todas as funcionalidades do site, sendo essencial para que todas as páginas da DATAPROM carreguem de forma correta.

Desempenho: Permitem que o usuário tenha uma compreensão de interação melhor com as páginas do site da DATAPROM, fornecendo informações sobre as áreas visitadas, o tempo que foi visitada e informa qualquer problema encontrado, com mensagens de erro.

Funcionais: Possibilitam que as páginas do site da DATAPROM recordem suas escolhas e preferências, podendo viabilizar uma experiência mais personalizada, além de permitir que os usuários acessem posts e utilizem ferramentas sociais, campos para preenchimento, entre outros.

Sessão: São Cookies que são armazenados somente durante o uso do navegador, assim que você o fecha, ele se perde permanentemente.

 

9. COMPARTILHAMENTO DE DADOS PESSOAIS

Para que nós possamos fornecer nossos serviços e exercer nossas atividades comerciais, informamos que poderá ser necessário o compartilhamento de dados pessoais com alguns parceiros de setores terceirizados e financeiros, como por exemplo:

• Empresas de tecnologia da informação (Sistemas de Gestão, Suporte e Aplicativos);
• Softwares internos de gestão de informações;
• Empresas de marketing e comunicação;
• Softwares de gestão financeira;
• Contabilidade externa;
• Empresas prestadoras de serviços e fornecedores.

Cumpre salientar que a DATAPROM apenas compartilha informações em situações estritamente necessárias e mediante a existência de garantias contratuais e técnicas apropriadas para cada situação, além de total observância quanto aos limites autorizados pela LGPD e demais normas relacionadas à proteção de dados.

Ainda, a LGPD prevê a obrigatoriedade do compartilhamento de dados quando solicitado por autoridades administrativas ou judiciais. Deste modo, estes pedidos serão devidamente analisados, para que possamos confirmar a validade e fundamento legal da solicitação e, ainda, verificarmos se o pedido preenche todos os requisitos legais obrigatórios.

 

10. CONTRATAÇÃO DE FORNECEDORES/TERCEIROS.

É exigido dos fornecedores ou terceiros que mantêm ou venham a firmar relações contratuais com a DATAPROM e que necessitem realizar o tratamento de dados pessoais a observância às diretrizes presentes nesta Política, além das determinações da LGPD aplicáveis.

Por este motivo, os parceiros da DATAPROM que sejam enquadrados como operadores de dados pessoais, deverão garantir que os tratamentos acontecerão em conformidade com a finalidade definida pela organização, considerando as diretrizes publicadas pela ANPD e demais órgãos competentes.

Ainda, é de responsabilidade destes parceiros assegurar que os dados pessoais aos quais tiverem acesso, sejam armazenados em repositórios seguros, através de técnicas e ferramentas que garantam a integridade e a segurança da informação. Da mesma forma, devem assegurar o descarte imediato destas informações, sendo, portanto, inadmissível a utilização destas para finalidades diversas das estabelecidas pela DATAPROM.

Todos os nossos parceiros comerciais, incluindo fornecedores, terceiros e prestadores de serviços, deverão implementar processos que garantam a segurança das informações pessoais e respostas tempestivas às solicitações dos titulares. Na eventualidade destes parceiros receberem alguma solicitação direta dos titulares, é de obrigação deles comunicar o Encarregado de Dados (DPO), através do contato [email protected].

O compromisso com a proteção de dados pessoais é uma atividade conjunta, sendo exigido de nossos parceiros o cumprimento das disposições da Lei Geral de Proteção de Dados, normas correlatas e da presente política.

 

11. DA RESPONSABILIDADE DA DATAPROM.

Nós da DATAPROM estamos integralmente comprometidos com a privacidade e proteção dos dados pessoais que tratarmos em decorrência do exercício de nossas atividades, garantindo a segurança destes e tratando-os somente para a finalidade informada, para que não haja qualquer excesso ou desvio nas operações, sempre em conformidade com a Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais.

 

12. AGENTE DE TRATAMENTO.

DATAPROM EQUIPAMENTOS E SERVIÇOS DE INFORMÁTICA INDUSTRIAL LTDA, pessoa jurídica de direito privado inscrita no CNPJ/MF sob o nº 80.590.045/0001-00, com sede em Curitiba/PR, na Rua Tenente Francisco Ferreira de Souza, 470, Hauer, CEP 81630-010;

 

13. CANAIS DE COMUNICAÇÃO.

Para quaisquer informações e/ou solicitações referente à Privacidade e Proteção de dados Pessoais, inclusive para o exercício dos direitos como titular desses dados confiados à DATAPROM, você poderá entrar em contato através do e-mail: [email protected]

 

14. TRANSFERÊNCIA INTERNACIONAL DE DADOS.

Os serviços fornecidos pela DATAPROM requerem o suporte de uma infraestrutura tecnológica que pode ser estabelecida fora do Brasil, como servidores e serviços em nuvem (cloud), que podem ser de propriedade da DATAPROM ou fornecidos por terceiros. Além disso, para o exercício de suas atividades a DATAPROM pode ter que compartilhar seus dados pessoais com terceiros fora do Brasil, como com as sucursais da Empresa localizadas em outros países.
Nessas hipóteses a DATAPROM assegura somente contratar terceiros que atendam os mais altos padrões de segurança, pelo menos, no mesmo nível de proteção de Dados Pessoais adequado à legislação brasileira.

 

15. SEGURANÇA DA INFORMAÇÃO

A DATAPROM e os terceiros com os quais os seus dados pessoais venham a ser compartilhados valorizam a sua confiança em fornecer seus dados pessoais. Por isso, observam os padrões de segurança necessários à prevenção e remediação do acesso não autorizado aos dados pessoais, situações acidentais ou ilícitas de destruição, perda, alteração, comunicação ou qualquer outra forma de tratamento inadequado ou ilícito. Para isso, empregamos meios e padrões de segurança recomendados para protegê-los, na medida em que forem técnica e operacionalmente viáveis. Além das medidas técnicas, eventualmente a DATAPROM poderá adotar padrões formais de gestão de segurança da informação e privacidade de dados, como os propostos pelas Normas Internacionais ISO/ IEC 27001 e ISO/IEC 27701.

Apesar de adotarmos as melhores práticas de segurança existentes no mercado e realizarmos esforços para proteger os seus dados pessoais, deve-se considerar que nenhum tratamento de dados pessoais é completamente seguro.

A DATAPROM não se responsabilizará, em nenhuma hipótese, nem perante você e nem perante terceiros, por prejuízos de qualquer espécie, inclusive, mas sem limitação, àqueles decorrentes de divulgação dos seus dados pessoais a terceiros ou extravio de tais informações decorrentes direta ou indiretamente do mau uso da internet por você.

 

16. ATUALIZAÇÕES DA POLÍTICA.

A presente Política poderá passar por alterações em nome da transparência e da melhor adequação às normas vigentes. Nestas hipóteses, todos os clientes, colaboradores, fornecedores e terceiros serão devidamente notificados pelo ambiente provido pelo site ou outros meios, como através do endereço e-mail. Recomendamos a todos que revisitem periodicamente o presente documento para acessar as informações mais recentes sobre nossas práticas de privacidade.

Loading...